Aba 1

Trupe da Kuki Clínica Veterinária
E-mail
Resolva :

Blog Gatos

Postado em 04 de Outubro às 07h39

Plantas comestíveis para gatos: como administrar

Dicas (15)Gatos (13)
Trupe da Kuki Clínica Veterinária Se você tem um jardinzinho, provavelmente já viu seu gato mastigando algumas de suas plantinhas. Estranho? Não mesmo. Existem sim plantas comestíveis e os gatos amam! Por...
Se você tem um jardinzinho, provavelmente já viu seu gato mastigando algumas de suas plantinhas. Estranho? Não mesmo. Existem sim plantas comestíveis e os gatos amam! Por quê? Porque algumas ervas são calmantes e algumas ajudam a provocar vômitos para eliminar bolas de pelo.
Benefícios
Além de paladar mais agradável e um cheiro gostoso, algumas plantas têm efeitos anti inflamatórios para os miaus.
“Outras melhoram o trânsito intestinal e ajudam a emagrecer”, explica o veterinário José Mourinho.
Cuidados com plantas comestíveis
O médico veterinário também alerta para os riscos ligados ao excesso ou uso de plantas tóxicas.
“Os jardins são ótimos para gato, mas todas as plantas devem ser bem escolhidas”.
O consumo deve ser supervisionado para evitar exageros, mas acostumar o gato desde filhote também ajuda. No caso de gatos adultos, vasos são uma boa alternativa, pois é possível colocar e remover em horários controlados e sob supervisão.
Como escolher
Para garantir a segurança total do seu bichano na hora de lidar com plantas comestíveis e plantas tóxicas, é sempre bom consultar um veterinário. Aqui você pode conferir uma lista de plantas que podem intoxicar o seu miau e que você deve tomar cuidado na hora de colocar no seu jardim ou ao alcance de seus animais domésticos.
Além disso, é muito necessário escolher de acordo com o espaço disponível na casa, tempo para cuidar do jardim e a própria habilidade.
Além disso, é bom escolher as plantas que o seu gato mais gosta e, algumas vezes, as que ele mais precisa.
O médico veterinário José Mourinho também dá dicas de quais ele acha melhores: “Grama de alpiste, trigo ou aveia. Valeriana. Bambu ou girassóis para observar e explorar. As medicinais como erva cidreira, camomila e lavanda são ótimas também. E até alguns cactos para o gato se esfregar”.



Postado em 22 de Agosto às 08h19

Gatos e visitas: como lidar com essa situação

Gatos (13)
Trupe da Kuki Clínica Veterinária Muitos donos de gatos não sabem o que fazer ao se deparar com essa situação: gatos e visitas. Isso acontece principalmente quando o gato é recém-chegado ou muito arisco. Como...
Muitos donos de gatos não sabem o que fazer ao se deparar com essa situação: gatos e visitas. Isso acontece principalmente quando o gato é recém-chegado ou muito arisco. Como devemos deixar nossos miaus?
Para a médica veterinária Bianca Couto, é tudo uma questão de bom senso e de medir o comportamento dos seus gatos e quanto tempo a visita vai ficar (é uma visita rápida? A pessoa vai dormir na sua casa?) para tomar a melhor decisão com relação ao que fazer.
Entre gatos e visitas, quem é a prioridade?
É importante lembrar que, por mais que você goste da visita, quem mora na casa é o gato. A casa é dele também. Se ele for um gato sociável, pode acabar ficando assustado se você prendê-lo porque chegou alguém.

 
Muitos donos de gatos não sabem o que fazer ao se deparar com essa situação: gatos e visitas. Isso acontece principalmente quando o gato é recém-chegado ou muito arisco. Como devemos deixar nossos miaus?
Para a médica veterinária Bianca Couto, é tudo uma questão de bom senso e de medir o comportamento dos seus gatos e quanto tempo a visita vai ficar (é uma visita rápida? A pessoa vai dormir na sua casa?) para tomar a melhor decisão com relação ao que fazer.
Entre gatos e visitas, quem é a prioridade?
É importante lembrar que, por mais que você goste da visita, quem mora na casa é o gato. A casa é dele também. Se ele for um gato sociável, pode acabar ficando assustado se você prendê-lo porque chegou alguém.

 
Muitos donos de gatos não sabem o que fazer ao se deparar com essa situação: gatos e visitas. Isso acontece principalmente quando o gato é recém-chegado ou muito arisco. Como devemos deixar nossos miaus?
Para a médica veterinária Bianca Couto, é tudo uma questão de bom senso e de medir o comportamento dos seus gatos e quanto tempo a visita vai ficar (é uma visita rápida? A pessoa vai dormir na sua casa?) para tomar a melhor decisão com relação ao que fazer.
Entre gatos e visitas, quem é a prioridade?
É importante lembrar que, por mais que você goste da visita, quem mora na casa é o gato. A casa é dele também. Se ele for um gato sociável, pode acabar ficando assustado se você prendê-lo porque chegou alguém.


No local, ele ficará confortável e tranquilo por todo o tempo em que a visita estiver lá. É importante nesses casos, não incomodá-los e nem tirá-los de seus esconderijos, nem para mostrar para as visitas ou algo do gênero.

Postado em 25 de Junho às 18h06

Gatos podem tomar leite? A verdade sobre esse alimento

Dicas (15)Gatos (13)
Trupe da Kuki Clínica Veterinária É muito comum donos de gatos se perguntarem: gatos podem tomar leite? Isso porque vemos isso acontecendo em filmes e desenhos animados. E então? Não, gatos não podem tomar leite....

É muito comum donos de gatos se perguntarem: gatos podem tomar leite? Isso porque vemos isso acontecendo em filmes e desenhos animados. E então?

Não, gatos não podem tomar leite. Sim, eles gostam, é verdade. No entanto, apesar de não ser um produto tóxico, ele não é saudável para os felinos, podendo fazer com que desenvolvam diarréias e vômitos.

“Existem outros alimentos muito mais saudáveis para se oferecer. Não é porque gostam que eles podem tomar. Além disso, alguns gatos, assim como algumas pessoas, podem apresentar intolerância a lactose”, explica o médico veterinário José Mourino.

O ideal é que o gato coma apenas suas ração, por se tratar da forma mais balanceada de alimentação do felino.

“Se for o caso de criar uma dieta caseira, ela deve ser feita sob supervisão de um médico veterinário nutrólogo, visto que alguns alimentos podem causar intoxicações graves, como alguns peixes, uva e cebola”.

O que fazer no caso de ingestão?
O recomendado no caso é ficar de olho para ver quais as reações do animal. Se ele vomitar ou tiver diarreia, deve ser levado imediatamente a um hospital veterinário.

“Caso a quantidade for pequena ou eles tomarem de forma esporádica, nada deve acontecer. Mas se houver muita quantidade ou eles tomarem com frequência, a dieta pode ficar desbalanceada. E sabemos que quanto melhor a dieta, mais saúde e longevidade”, comenta Mourino.

No caso de intolerantes, diarréias graves e perda de peso podem acontecer e muitas vezes evoluir para problemas crônicos.

E se o gato sempre tomou leite? Nesse caso gatos podem tomar leite?
Uma das maiores questões na hora de pesquisar sobre se gatos podem tomar leite é sobre aqueles que já estão acostumados com o alimento.

Nesse caso, o melhor é ir diminuindo a quantidade aos poucos e substituindo por outros alimentos mais saudáveis.

Muitos produtos de consumo humanos podem ser tóxicos ou não. É necessário lembrar que o gato é um carnívoro e deve ter uma dieta muito diferente da nossa.


Postado em 09 de Maio às 07h18

Gatos e bebês: isso é um problema?

Gatos (13)
Trupe da Kuki Clínica Veterinária Não precisa de desespero. É claro muitas grávidas se questionam o que vão fazer no futuro, tendo em casa gatos e bebês (no singular ou no plural) e se vai se deparar com...

Não precisa de desespero. É claro muitas grávidas se questionam o que vão fazer no futuro, tendo em casa gatos e bebês (no singular ou no plural) e se vai se deparar com dificuldades para manter o equilíbrio entre os dois.

Primeiro de tudo, é importante lembrar que animais domésticos não são objetos, então você não pode descartá-los a qualquer momento. A adoção é um ato de responsabilidade e é necessário sempre ter isso em mente.

Além disso, a ideia de que gatos trazem risco à saúde de bebês e crianças não passa de um mito. Gatos e bebês podem conviver normalmente, sem dificuldades algumas.

“O animal tem, é claro, que se acostumar com a situação, porque ele estava ali ‘primeiro’”, afirma a médica veterinária Bianca Couto, da clínica The Cat From Ipanema, que viveu a experiência na pele. “Meus gatos entravam dentro de berço, dormiam na mesma cama e eu nunca tive problema algum”, conta.

Cuidados com os gatos e bebês
Para que a convivência entre os gatos e bebês seja tranquila e não haja preocupações, a resposta é bem simples: basta manter o seu gato saudável.

“É só você manter esse animal com idas ao veterinário, vermifugado, vacinado, unhas aparadas para não ter o problema de arranhar o neném, o que pode acontecer acidentalmente”, explica Bianca.
Além disso, o esforço para acostumar os dois deve ser constante, para que não haja estranheza de nenhuma das partes.

Saúde e ciência
Não é apenas mentira que gatos podem prejudicar a saúde dos bebês, como na realidade, a história é justamente o contrário: existem vários estudos hoje em dia que dizem que as crianças que convivem com os animais ficam mais saudáveis.

“Elas acabam desenvolvendo mais imunidade e menos tendência a terem alergias. No caso de criança alérgica, tem que fazer teste para ver ao que exatamente a criança é alérgica. Não pode pular para a conclusão de que é o pêlo do gato”, recomenda a veterinária.

Além disso, estudos mostram que os felinos têm grande potencial terapêutico.

Então, mamãe ou futura mamãe, nada de se desesperar: gatos e bebês podem conviver tranquilamente e quem disser o contrário não sabe do que está falando.


Gatos podem tomar leite? A verdade sobre esse alimento09/02 É muito comum donos de gatos se perguntarem: gatos podem tomar leite? Isso porque vemos isso acontecendo em filmes e desenhos animados. E então? Não, gatos não podem tomar leite. Sim, eles gostam, é verdade. No entanto, apesar de não ser um produto tóxico, ele não é saudável para os felinos, podendo fazer com que desenvolvam diarréias......
Você sabia? Que os gatos..23/09/15 Homens e gatos possuem a mesma região do cérebro responsável pelas emoções. · O cérebro do gato é mais similar ao do homem do que ao do cão. · O gato possui mais ossos do que os......
Dicas Para seu amiguinho ter uma vida mais saudável23/09/15 Fêmeas gestantes Os cuidados com as fêmeas devem começar antes da fase de acasalamento, quando se prepara a fêmea para a gestação. É importante que ela esteja com todas as vacinas em dia, devidamente vermifugada......
Quanto você acha que custou o cão mais caro do mundo???23/09/15 A agência "Associated Press" divulgou na quinta-feira 17 de março de 2011, a imagem do bilionário chinês que pagou US$ 1,52 milhão (cerca de R$ 2,54 milhões) por um cão da raça mastim tibetano......